Preparação

1o Workshop Online do Tropical Burn )*(

Já sabemos que realizar um regional burn não é uma tarefa fácil. E como o Brasil é um país muito grande, fica ainda mais complicado reunir todas as pessoas interessadas em um local físico.

Por isso decidimos realizar um workshop online, para facilitar o encontro dos interessados em participar de várias maneiras no primeiro regional burn brasileiro: o Tropical Burn.

O objetivo deste workshop é, além de abordar os princípios do Burning Man, resgatar a criança que existe dentro de cada um e co-criar através da participação ativa dos membros por meio de uma dinâmica interativa.

Para participar, é preciso preencher o formulário de inscrição e responder às perguntas obrigatórias, deixando a sua ideia / sugestão / dúvidas para que possamos co-criar este projeto lindo com a comunidade brasileira.

O evento acontecerá totalmente online, com membros da comunidade e interessados de vários estados, inclusive fora do Brasil.

Esta é uma oportunidade para interagir e conhecer outras pessoas que compartilham a mesma vontade: realizar o regional burn apoiando arte, cultura e educação nas terras tupiniquins.

Traga as suas ideias, sugestões e duvidas para que possamos, juntos, criar este projeto de uma maneira colaborativa – 100% voluntária e co-criado por burners brasileiros.

Atenção: serão aprovados somente os que preencherem o formulário respondendo à todas as perguntas de acordo com os princípios do evento. Portanto, responda com carinho e atenção.

Quando: dia 4 de junho de 2018, das 20h00 às 22h30
Limite máximo: 80 pessoas
Custo: gratuito
Inscrições: aqui

Preparação

Inscrições abertas para Acampamentos Temáticos

Sabemos que construir um Burn Regional leva tempo, planejamento e muito trabalho. Por isso queremos ajudar os navegantes de primeira viagem a se organizarem para levar um Acampamento Temático para o evento que irá acontecer no Brasil em 2019.

Com a nova data do evento: Junho de 2019, parece que ganhamos tempo. Mas o tempo voa e é preciso começar a se organizar agora. Reunir amigos, construir uma equipe, pensar em um tema, uma forma de interação ou algo que irá oferecer para a cidade durante 7 dias.

Para saber mais sobre Acampamentos Temáticos, acesse a página, leia os critérios e todas as instruções de segurança. E se organize antes de realizar a inscrição para evitar que o projeto seja reprovado. Estamos aqui para nos ajudar e criar essa coisa linda e mágica que será o Tropical Burn no Brasil em 2019.

pARTicipe )'(

 

Preparação

É HOJE! Live no Youtube sobre como levar seu acampamento temático para o Tropical Burn

Hoje as 21 hrs faremos uma live no Youtube para tirar todas as dúvidas de como montar e levar um acampamento temático para o Tropical Burn. Portanto caso esteja interessado em reunir um grupo de pessoas e oferecer algo a comunidade mas tem dúvidas de como fazer? O que deve levar? Como pode custear tudo isso? Ou até como angariar pessoas que compartilham de seus ideais e façam acontecer junto com você? Hoje é o dia de bater-papo e tirar todas as dúvidas!

Nossa equipe fará uma breve apresentação sobre todos os tópicos pertinentes a criação e montagem de um acampamento, assim como exemplos de acampamentos em eventos regionais pelo mundo. Então abriremos o bate-papo para dúvidas e sugestões.

Para participar é necessário se inscrever por aqui e receberá o link da live por e-mail.

Esperamos você hoje a noite!

Preparação

Evento Online: como levar uma Instalação de Arte para o Tropical Burn

Instalações de Arte no Tropical Burn

Altar of Intentions – Arte Brasileira no BM

As inscrições para Instalações de Arte já estão abertas. Estamos no processo de nos ajudar para preparar o “quadro em branco” para pessoas interessadas em co-criar na nossa cidade temporária. Ou seja: todo mundo.

Para ajudar artistas e artistas de primeira viagem (acreditamos que todos são artistas), entramos ao vivo, no YouTube, para falar sobre como levar uma instalação de arte para o Tropical Burn – primeiro Regional Burn brasileiro.

Se você ainda têm dúvidas sobre o que é uma instalação de arte, veja este post com exemplos de instalações no Burning Man.

Sabemos que fazer acontecer uma instalação desta leva tempo, planejamento, união de equipe e muito empenho. Por isso queremos ajudar, dentor dos nossos limites, trazendo pessoas experientes no assunto e que fazem parte do time de arte do Tropical Burn.

Evento Online: Arte )'( Tropical Burn

Quando: 21/3, às 21h00 (Brasília)
Onde: YouTube Live
Assista aqui.

Slides:

Regional Brasil

Novo Logo do Tropical Burn

JÁ TEMOS NOSSA CARA!

Após 1 semana de votação e 20 propostas enviadas, a o logo de João Henrique Moldenhauer (@viajecomojoao) ganhou o concurso de Logo do Regional Brasileiro. A partir de agora nossos canais de comunicação com a comunidade vão ganhando a cara do Tropical Burn.

Parabéns João!!

Se está curioso em como ele chegou no logo, pode ler a justificativa da criação escrita abaixo:

Por João Henrique Moldenhauer

“Ao pensar em uma imagem que pudesse representar o Tropical Burn quis fugir das brasilidades estereotipadas e voltar as nossas raízes. Somos um evento brasileiro sim, mas o Brasil hoje é uma mistura de etnias, uma mistura cultural. Então nada melhor que remeter a tradição, hoje tão marginalizada e esquecida, indígena. Os povos que estavam aqui antes da colonização e que, juntamente com os colonizadores europeus e os africanos trazidos por eles para cá, nossa tão rica cultura.

Então através de ideogramas do alfabeto Tupi-Guarani construi o “man”, uma referência direta ao evento-mãe nos EUA. Esse “man” veste um cocar dualístico, que ao mesmo tempo pode ser visto como de penas ou folhas de bananeira, remetendo a nossa flora tropical. Os “raios” abaixo dos braços do “man” (tb uma grafia guarani) dá poder ao movimento dos braços para cima, como um cerimonial, uma saudação a uma sociedade diferente, a algo que podemos ensinar e “iluminar”.

Iluminação tal representada pelo ícone abaixo das pernas do “man”. Um sol? Um olho? Todas as interpretações nos levam a iluminação, a energia que nos aquece, aquilo que podemos ver de novo e com empatia e sem julgamentos absorver e mudar nossa vida. E porque o “sol-olho” não está acima do “man”? Porque no Tropical Burn não existe uma verdade que nos ilumina, mas cada um tem a sua. Sua própria experiência, sua própria vivência, suas próprias conclusões. Nós “parimos” nossas próprias mudanças, e a mudança de cada um é muito particular.

Essa quebra de paradigmas é bem explícita na tipografia. Busquei um tipo robusto, de fácil leitura. Dando o corpo que o evento necessita. O peso que ele trás. As arestas arredondadas e harmônicas são quebradas por linhas retas em cada letra. Quebra de conceitos, pré-conceitos, quebra de tabus e paradigmas. A palavra “Burnu” é levemente mais pesada que o “Tropical” pois fecha a leitura não só referindo ao evento mãe, mas nos dando um recado. Queime o que não serve para você, se expresse sem julgamentos, viva em comunidade, destrua seu ego e renasça das cinzas quebrando as arestas redondas, harmônicas e confortáveis e vivendo o inesperado, o presente e o imediatismo.”

Para saber mais sobre o Tropical Burn, acesse: https://tropicalburn.org/o-evento/

Preparação

Matéria Fora do Lugar (MFL)

O que é MFL?

MFL é um acrônimo para “Matéria Fora do Lugar”, uma maneira conveniente de se referir a qualquer coisa que não seja originalmente da terra onde ocorre o evento. Então, tudo o que não é originalmente da natureza, não importa quão pequeno, é considerado MFL e deve ser removido como parte de nossos esforços para Não Deixe Rastros. O MFL também inclui água suja e as partículas contidas dentro dela.

Os problemas mais comuns de Rastros e MFL:

  1. Barras de vergalhão, estacas de barracas/tendas e âncoras de terra
    Não há nada tão bem martelado ou parafusado que não possa de romper. Com o movimento e dia após dia, as estacas podem sair do chão facilmente.
  2. Arte abandonada, acampamentos abandonados, coisas abandonadas
    Tire as suas coisas da praia!
  3. Água suja / Manejo da água
    Jogar a sua água suja na terra é nojento para o meio ambiente e pode te gerar uma multa bem dada pelos fiscais de limpeza.
  4. Mato
    Você irá encontrar muito mato: terra, árvores, plantas, água e areia. São coisas preciosas na natureza que devem ficar onde estão. Por onde você passar, não arranque nada e evite acumular “mato” onde não deveria estar. Com o tempo, as pessoas podem tropeçar e isso pode acabar com a noite / dia de alguém durante o evento.
  5. Detritos de Fogos de Artifício
    Fogos de artifício serão proibidos na cidade. Infelizmente, sempre tem gente que solta escondido. E até esses que fazem errado, geralmente, são os que não limpam a sujeira deixada pelos fogos. Portanto, se você ver, denuncie para a organização no acampamento central.
  6. Detritos de carpete
    Tapetes, cobertores e lonas velhas que ficam esfarrapadas acabam se soltando em pedaços, deixando para trás detritos minúsculos de MFL em grandes áreas.
  7. Pano, fibra e detritos de corda
    Fragmentos de roupas rasgadas, figurinos, jóias e outros materiais fibrosos que podem cair no chão.
  8. Detritos de Metal
    Pregos, parafusos, roscas, tampas de garrafa de cerveja, etc. Não há nada na praia que não é fixado com metal. Se você está construindo algo com madeira ou de soldagem, uma varredura dos metálicos será necessária. Existe um rodo magnético (geralmente para oficinas) que você pode encontrar na internet. Ele fará maravilhas para catar o metal rapidamente e com facilidade do chão.
  9. Bitucas de cigarro
    Não jogue bitucas no chão. Ele não é o seu cinzeiro.
  10. Detritos de vidro
    Garrafas de vidro quebrado, copos, etc.
  11. Detritos de plástico
    Tampinhas de garrafa, embalagens, sacolinhas, zip lock, fita adesiva, fita de precaução, etc. O plástico é o MFL no ar devido às condições de vento e descuido. Gerencie seus materiais plásticos, mantenha-os seguros e recicle. Dica: Corte o topo de uma jarra de água de 1 litro e você possui uma excelente balde pra juntar MFL.
  12. Pedaços de madeira
    Farpas, paletas, estilhas, serradura, caixas, papelão, quadros, etc. Embora muitas vezes se considerem “orgânicos”, a madeira simplesmente não é encontrada naturalmente na praia, e é aqui onde devemos deixar claro – é MFL. O impacto da madeira é consistentemente o mais alto de todos os vestígios e deve ser eliminado. Nós pedimos simplesmente que você gerencie sua madeira. Coloque uma lona no chão para as suas zonas de trabalho, pilhas de madeira e seus detritos.
  13. Plantas
    Plantas, palmeiras, galhos, folhas de palmeiras, etc. Árvores, plantas e folhas morrem, quebram e destroem, criando uma enorme bagunça de MFL de tamanho micro espalhado em uma ampla área. Você pode causar um desastre por deixá-los fora do lugar.
  14. Glitter
    O
    glitter comum é feito de microplásticos e que eles causam um impacto terrível ao meio ambiente e à vida marinha. Lembre-se: se for usar gliter, que seja biodegradável!

Ferramentas de restauração da Praia

Não deixar rastros é uma arte que exige o exemplo de todo mundo. Segue aqui uma combinação de ferramentas que podem ajudar a restaurar qualquer área impactada de volta à sua beleza natural:

  1. Varredor de ímã
    Se você está trabalhando com o metal no evento, você pode facilitar a vida usando uma varredor magnético! Tudo o que você precisa fazer é rolar o varredor sobre sua área de trabalho, ouvir como o íman puxa o metal solto fora do chão e depois descartar o metal no lixo, usando a alavanca de liberação inteligente. Simples.
  2. Ancinho
    Os ancinhos ajudam a coletar todo detrito que o seu acampamento ou área de trabalho pode produzir. Ele serve para limpar área com grama, terra e também na areia, dependendo de onde será o seu local de trabalho.
  3. Vassourão
    Aquele monte de detrito que fica no local que costumava ser o seu acampamento… sim, pode ter sobrado alguma coisa ali. O monte de detrito pode aumentar e causar um grande problema de MFL. Tenha um vassourão no seu acampamento!
  4. Pás
    Aconteceu um desastre, precisa preencher um buraco ou aplainar uma duna? Use uma pá. Não deixe rastros.
  5. Alicates
    Ok, então você foi um pouco excessivo com o vergalhão de ferro e agora não consegue tirar do chão. Pegue um alicate e aperte em torno do vergalhão, depois tente girar, de uma lado para o outro, puxando vagarosamente e subindo (com as pernas, não com a coluna).
Preparação

Sistemas de som

Política de Som

A Praia é um amplificador natural e não demora muito para produzir quantidade de som exagerada. O grave atinge um som de forma multidirecional e não pode ser efetivamente contido em nenhuma estrutura. Isso dá ao “som” do grave, uma forma vantajosa de arte, mas injusta sobre outras expressões artísticas. O Tropical Burn é dedicado à auto expressão radical, mas também é dedicado à criação de comunidade. Isso significa que todos devemos encontrar uma maneira de nos dar bem com os nossos vizinhos. Por experiência, no passado, nos levou a esse ponto em que DEVEMOS dar diretrizes sobre amplificação e limitar espaço para esse tipo de arte.

As quatro regras seguintes compõem nossa política básica de som:

  1. Os vizinhos devem conversar uns com os outros quando o som se torna problema e tentar resolver o problema através da comunicação direta.
  2. As instalações de som em grande escala DEVEM estar localizadas nas extremidades de nossa cidade. Eles podem se expressar a menos que as queixas da comunidade persistam.
  3. Dentro da cidade, é permitida uma amplificação de potência máxima de 300 watts, produzindo amplificação de som não superior a 90 decibéis, quando medida a 6 metros da fonte.
  4. Qualquer queixa sobre o som excessivo se tornará uma preocupação para o time de segurança. As preocupações com o som excessivo podem resultar em:
    a) verificação de volume e mediação entre acampamentos,
    b) verificação de volume e um aviso final sobre reclamações,
    c) a desativação do equipamento.

Alto vs. silêncio

Não existem lados “barulhentos” e “silenciosos” na cidade. Estes são termos relativos, e eles configuram expectativas que podem ser impossíveis de cumprir. Esses termos criam infinitas áreas cinzentas em relação ao que é percebido como “alto” ou “silencioso”, o que resulta em negociações difíceis entre os vizinhos.

Arte de som de grande escala

Todos os sistemas de som em larga escala estarão localizados na Zona de Arte de Som de Grande Escala. Como todos os acampamentos temáticos, esses serão encorajados a ser tão criativos e interativos possível. A regra primária é que todos os autofalantes DEVEM ser afastados da cidade, em direção à praia aberta, em todos os ângulos. O prazo para instalações de arte de som grande é o primeiro a chegar, primeiro a ser servido, então, quando esses pontos são preenchidos, não serão permitidos mais sistemas de som dentro da cidade.

Queixas de som

Se você acredita que o som do seu vizinho é muito alto e você não consegue negociar efetivamente uma solução, você pode denunciar isso para uma estação da organizaçaão do evento ou diretamente para um dos voluntários em serviço. (Por favor, não confunda voluntários de outras áreas com o time de organização de arte e performance). O local para encontrar o time é no acampamento central. Uma queixa deve conter:

  • A FONTE PERFEITA do som. (Relatórios vagos resultarão em nenhuma ação ou ação ineficaz).
  • O tempo exato da perturbação. (Relatórios vagos resultarão em nenhuma ação ou ação ineficaz). Informe os problemas quando eles acontecem, embora os relatórios arquivados no dia seguinte possam ser úteis com camps problemáticos persistentes. Não tomaremos medidas sobre questões de gosto.

Como comunidade, precisamos trabalhar juntos para manter o som em níveis desejáveis. Isso significa que todos os envolvidos são pessoalmente responsáveis como eles afetam a experiência de todos. Se o seu vizinho acredita que seu som é muito alto, você deve trabalhar com eles para encontrar um volume aceitável.

Você precisará fazer o check-in com aqueles que você está acampado por perto, para descobrir quais outros eventos estão sendo planejados e trabalhar com eles para criar um cronograma. Com essas ações você deve ser capaz de lidar com todos os seus próprios problemas de som. Se todos trabalharem juntos, não haverá necessidade da organização monitorar o som.

Por favor, envie esta informação para outros participantes no seu acampamento temático ou vila e para aqueles que não estão listados no mapa. Um esforço comunitário é necessário resolver este problema.

Preparação

Não Deixe Rastros para Artistas

Introdução ao perímetro

  1. Depois de se registrar no credenciamento para artistas, você será direcionado para o local do seu projeto de arte. O centro do seu projeto é marcado com um CD e uma marcação de plástico.
  2. Inclusive, os marcadores apontam o centro do seu perímetro. Demarcam os limites do foco do seu projeto. Você e o seu grupo são responsáveis pela varredura do seu perímetro antes, durante e após o evento. Para muitos projetos (salvo indicação contrária) você é responsável por 50% da área em volta da sua arte.
  3. O seu perímetro será composto pela área TOTAL que você e seu grupo do projeto ocupam, como: arte, áreas de preparação, estoque de madeira, de ferro, lixo, reciclagem, barris de combustível, etc.

MFL Inimigo número 1: Farpas de madeira

MFL: Matéria Fora do Lugar

Também conhecido como estilhaços, cascas, serradura e detritos de madeira.

Este é o maior e mais crescente problema de MFL no evento.

Para evitar que pedaços de madeira cheguem à praia, faça o máximo de pré-corte possível antes de chegar. Se você deve cortar a madeira , faça-a em uma área fechada, como uma estrutura de sombra com paredes, e coloque um tapete que você pode enrolar e transportar cuidadosamente no terreno com as aparas de madeira seguras e firmes. Sempre que possível, escolha madeira compensada sobre o painel de partículas ao construir seus projetos, como fendas de placas de partículas e estilhas de mais facilidade.

Dicas de varredura:

  1. Pense no seu perímetro em termos de Vermelho, Amarelo e Verde.

  2. Pense em seu primeiro passe como mais de uma passagem de avaliação. Se uma área parece VERMELHA e torna-se muito suja, marque a área e concentre-se nela em sua segunda passagem. Tente manter a varredura da linha em movimento até avaliar o perímetro inteiro. Faça uma segunda e terceira passagem do seu perímetro até que fique verde.
  3. O seu perímetro foi projetado de forma otimizada para que 30 pessoas com 1,80 metros de distância possam varrer, mas que também pode ser feito com menos pessoas. Quanto mais pessoas você tiver, mais território será coberto e, portanto, será mais rápido. O mais importante é não estar mais longe do que 1,80 metros de distância um do outro. 1,80 metros distância é o número ótimo.
  4. Bandeiras ou cones colocados nas bordas do seu perímetro funcionam melhor na definição de um limite visual para sua equipe de limpeza do espaço.

Voltar para a página Arte – Tropical Burn

– Protegendo a obra de arte https://goo.gl/JUz4WJ
– Construindo uma estrutura segura https://goo.gl/KBHSVg
– Sistemas de som https://goo.gl/VDsz8L
– Iluminando a sua obra de arte https://goo.gl/ZdGS3F
– Guia para arte de fogo https://goo.gl/qfqJcq

Preparação

Iluminando a sua instalação de arte

Um dos principais passos de design para trazer arte para a praia é decidir como iluminar a sua arte e como incorporar elementos de iluminação na mesma. A iluminação na praia requer uma manutenção diária, que pode ser feita durante a sua limpeza diária de MFL por exemplo.

O Objetivo é Tornar Sua Arte Visível à Noite Para:

  • Impedir a destruição de sua arte por acidentes com carros de arte (Art Cars), bicicletas e/ou colisão de pedestres.
  • Impedir lesões aos participantes do evento.
  • Parecer incrível!

Diretrizes Gerais para o Design de Iluminação:

  • Use a regra de 20 segundos. As pessoas devem poder ver sua arte 20 segundos antes de chegarem a ela.
  • Os carros de arte viajam a 10 km/h, isso significa que seus condutores devem poder ver a sua arte de (mínimo) a 50 metros de distância.
  • Proteção em todo o entorno (360 ​​graus) e a devida iluminação é importante. Como a maioria das luzes é direcional, assegure-se de que não há manchas escuras em seu design de iluminação, colocando um tipo iluminação focal (spots) ou considere também adicionar uma iluminação perimetral.
  • O projeto de iluminação da sua arte deve ser concebido no processo de design da arte, não como uma reflexão tardia.

Iluminação Perimetral:

  • Marca seus limites e mantém carros de arte a uma distância segura de sua peça de arte.
  • Pode marcar locais onde você pode ter enterrado equipamentos ou trincheiras.
  • A marcação perimétrica é melhor quando mais elevada do solo.

Ilumine seu Vergalhao (varão nervurado):

  • Essa parte estrutural do seu projeto é muitas vezes ignorada e é uma das maiores causas de lesões na praia.
  • Certifique-se de marcá-lo bem, enterre-o ou ilumine-o.

Melhore o Seu Sistema de Iluminação:

  • Espelhos, fitas reflexivas, refletores e outras superfícies brilhantes podem refletir não apenas a iluminação deliberada, mas também os faróis dos veículos que se aproximam.
  • Objetos sonoros como sinos de vento também podem fornecer assistência adicional para proteger sua arte de veículos que se aproximam, não só de noite, mas também durante o dia.

Formas de Luz:

Existem muitas formas de luz para você escolher. Abaixo, poderá obter mais informações sobre formulários aprovados, mas, por favor, não use:

  • Luzes químicas (“bastões luminosos de neon”): elas não duram uma noite inteira e são ruins para o meio ambiente.
  • Lanternas de combustível (tochas tiki, etc.): não são permitidas chamas sem vigilância na praia.

Formas de Luz Aceitáveis:

Eletroluminescência:

  • Painéis eletroluminescentes portáteis, flexíveis e personalizáveis e/ou fios eletroluminescentes
  • Disponíveis em cores neon/fluorescente, de diferentes formas e diâmetros
  • Podem ser alimentados com controladores de iluminação simples ou controladores que oferecem mais opções de iluminação.

Iluminação incandescente:

  • Altamente acessível
  • Disponível em pacotes padrão
  • Gera luz de forma omnidirecional
  • Consome muito mais energia, produz mais calor e é muito mais frágil do que outros tipos de lâmpadas

Lasers:

  • Você só deve considerar o uso de lasers em sua instalação se você entender os regulamentos sobre os mesmo
  • Consulte a Seção 6 deste documento para obter mais informações sobre lasers

LEDs:

  • Altamente eficiente, alternativa efetiva à iluminação convencional.
  • Compacto
  • Disponível em uma grande variedade de cores
  • Fácil de controlar
  • Boa performance em ambientes extremos

Néon:

  • Altamente eficiente
  • Consome pouca energia quando está em operação
  • Pode durar anos se utilizado adequadamente
  • Uma vez que os tubos de néon são feitos de vidro, considere colocá-lo fora do alcance de pessoas para evitar a quebra.

Luzes de corda:

  • Disponível como lâmpadas incandescentes ou LEDs
  • Solução barata
  • Pode fazer uma grande demarcação, ponto de referência e/ou luz de área geral

Pequenas luzes “pisca-pisca” (bicicleta):

  • Fácil de adquirir
  • Brilhante o suficiente para avisar os perigos possíveis
  • Não projeta muita luz sobre os arredores
  • Deve ser usado apenas como luz de aviso

Luzes solares (luzes de jardim, etc.):

Para as luzes solares montadas no chão, considere levantá-las e tentar tirá-las do chão, esse teste serve a fim de evitar que o pó se acumule no painel solar integrado e/ou na luz de LED, o que pode prejudicar sua funcionalidade.

  • Pode ser usado para marcação de perímetros, mas não deve ser muito brilhante e não deve ser considerado fonte principal de iluminação.
  • Se não posicionado corretamente, pode voar, ser atropelado ou roubado.

Para instalações de luz solar maiores que requerem painéis solares:

  • Veja a seção abaixo

Energia para suas Luzes:

Independentemente da fonte de energia que você está usando, a mesma precisa ser verificada diariamente antes do sol se pôr, para garantir que sua arte esteja devidamente iluminada durante a noite. Aproveite esse horário para fazer uma varredura MOOP! Se você está tendo problemas de iluminação e sua equipe não pode consertar, certifique-se de chegar ao ARTery antes das 18:00.

Baterias pequenas

  • Exige troca diária

Baterias de carro

  • Deve ser armazenado em um local fresco e seco
  • Deve ser um local seguro para garantir que as baterias fiquem fixas em seus lugares

Gerador

  • Precisa estar protegido dentro de uma caixa de gerador (veja a próxima seção deste Manual para mais informações sobre caixas de gerador)
  • O combustível precisa ser organizado com Serviços de Suporte de Arte

Energia Solar

Sistemas de Energia Solar podem ser complicados o suficiente para precisar de uma própria seção aqui neste guia. Antes de adquirir componentes, é importante reservar um tempo para projetar adequadamente seu sistema em torno do objeto que receberá energia. Tenha em mente que quanto mais componentes você adicionar, maior será o sistema solar. Sempre construa margens de proteção em sistemas solares. Nao se esqueça que talvez hajam dias em que pode haver pouco sol ou até o mesmo estar completamente nublado, portanto, planeje também os cenários do pior caso possível e traga componentes adicionais para realizar reparos no local, caso seja necessário.

Sistemas solares exigem manutenção diária para remover a poeira acumulada e verificar suas conexões.

Esta visão geral básica é projetada em torno de cargas de iluminação, então esses sistemas solares são considerados pequenos (dentro ou abaixo da faixa de 100 watts).

Os componentes principais de um sistema solar básico consistem em:

  • Painéis Solares
  • Gerador de energia de baixa tensão, tipicamente 12vdc, idêntica à energia gerada pelo seu veículo através do “plugue de isqueiro”.
  • Ao escolher o seu painel solar, pense em como ele será montado. Se for montado no chão (exigirá iluminação perimetral), ou se montado em pé ou diretamente em sua arte, certifique-se de que seu painel solar esteja devidamente seguro.
  • Ao proteger seu sistema, leve em conta que o mesmo pode sofrer danos por ventania, poeira, sombras e aterramento elétrico.
  • A montagem de um painel solar reto pode reduir  a sua eficiência. Se possível, posicione seu painel em um ângulo de 45 graus e volte para o sul verdadeiro; Isso aumentará a eficiência e pode ajudar a manter o painel limpo.

Carregador de Controle:

  • Um dispositivo de proteção que controla a energia produzida pelo painel solar
  • previne a bateria de ficar  sobrecarregada e/ou potencialmente danificada.
  • Alguns controladores de carga integram uma fotocélula e/ou funções de temporizador, permitindo autonomia do sistema.
  • Se o seu controlador de carga não oferecer essas funções, você pode considerar adicionar um para que você não tenha que ativar/desativar a iluminação física todos os dias.

Bateria:

  • O tamanho e a capacidade são determinados pela sua carga de energia
  • É Importante ter energia suficiente para responder a possíveis condições solares precárias
  • Prefere temperaturas estáveis ​​e mais frias (mantenha fora da luz solar direta, considere um gabinete ventilado que também possa servir como espaço para outros equipamentos solares e fiações)

Conversor:

  • Use um conversor se você quiser 110W ao invés de 220w, ou vice-versa

Fiação e conectores:

  • Para conectar o painel solar ao controlador de carga, carregue o controlador na bateria e a bateria às luzes.
  • Certifique-se de que toda a fiação esteja devidamente presa para evitar potenciais riscos de transporte.

Reutilizando sua iluminação

  • Após o evento, seu sistema de iluminação pode ser usado em anos futuros, se estiver em boas condições.
  • Considere doar seus objetos de iluminação desnecessários para evitar que eles acabem em um aterro sanitário.
  • Verifique com os Olhos na Arte (Eyes on Art), na ARTery para ver se eles estão aceitando doações de pequenas lâmpadas solares, luzes de bicicleta, pisca-piscas e outros pequenos acessórios de iluminação.
  • Se você estiver reutilizando seu sistema de iluminação por mais um ano, pense em maneiras de melhorá-lo.

O que é “De olho na arte”?

  • De olho na arte é uma equipe que faz parte do time de Arte do Tropical Burn.
  • Eles estarão lá para patrulhar obras de arte à noite e verificar o status de iluminação da arte na praia.
  • Se a sua arte estiver insuficientemente iluminada, eles colocam luzes perimetrais (se disponíveis) ou outros demarcadores para proteger os veículos que se aproximam de colidir com sua arte.
  • Estas luzes e cones devem ser devolvidos no camp centrar para artistas pela manhã.
  • A equipe de arte do Tropical Burn procurará se conectar com sua equipe para corrigir seus problemas de iluminação antes da proxima noite.
  • É importante que você deixe a organização saber onde você está acampado quando você efetuar o check-in para que você possa ser localizado em caso de problemas como este.

Voltar  > Arte – Tropical Burn

– Protegendo a obra de arte https://goo.gl/JUz4WJ
– Construindo uma estrutura segura https://goo.gl/KBHSVg
– Sistemas de Som https://goo.gl/VDsz8L
– Não deixe rastros para artistas https://goo.gl/Y3jp7o
– Guia para arte de fogo https://goo.gl/qfqJcq

Preparação

Construindo uma estrutura segura

Definições de termos:

Desenhos arquitetônicos: desenhos arquitetônicos são desenhos que mostram a intenção de projeto da estrutura. Incluirão várias visões da estrutura, incluindo a visualização em plano (ou vista panorâmica), elevações e / ou seções. As dimensões com as unidades devem ser incluídas nos vários espaços e para o qual função os espaços serão usados. Converta todas as dimensões em metros-centímetros.

Viga: Uma viga é um membro estrutural no plano horizontal ou vertical, é um “elemento linear  em que a flexão é preponderante.” Elemento linear é aquele em que o comprimento longitudinal supera em pelo menos três vezes a maior dimensão da seção transversal, sendo também denominado “barra”.

Pilar: Elementos lineares de eixo reto, usualmente dispostos na vertical, em que as forças normais de compressão são preponderantes.

Tirantes: Elementos lineares de eixo reto em que as forças normais de tração são preponderantes.

Arcos: Elementos lineares curvos em que as forças normais de compressão são preponderantes, agindo ou não simultaneamente com esforços solicitantes de flexão, cujas ações estão contidas em seu plano.

Placa de rolamento: uma placa de rolamento é uma placa que evita que a estrutura afunda no chão. Eles podem ser aço, madeira compensada, etc. e fornecer uma área de superfície maior para grandes cargas pontuais para distribuir suas cargas para a área maior, evitando assim o afundamento.

Pacote de cálculo: consulte “Cálculos estruturais”

Coluna: uma coluna é um elemento estrutural vertical que suporta cargas de gravidade (suportando vigas) ou cargas laterais (através de reforço, paredes de corte ou quadros de momentos).

Desenhos de construção: desenhos de construção são as ferramentas que um contratado (ou a equipe de construção) precisará fazer referência para construir a estrutura. Estes incluem desenhos arquitetônicos, desenhos estruturais, desenhos mecânicos, elétricos e / ou de encanamento, bem como as especificações do material.

Plataforma dinâmica: uma plataforma dinâmica é uma superfície elevada do solo que as pessoas podem escalar ou pisar em cima e experimentam algum movimento (roda, rola, desloca, etc.).

Juntas: as juntas são membros estruturais que ocorrem em intervalos regulares (tipicamente 24 ” ou 8 m no centro para coberturas e 16″ ou 5 m no centro para pavimentos) e suportam o revestimento do telhado ou do chão, bem como os acabamentos de telhado ou chão e cargas vivas.

Elemento de enquadramento: um elemento de enquadramento é uma viga ou coluna.

Muro livre: uma parede livre é uma parede que não está ligada a paredes ou suportes perpendiculares.

Plano de instalação: um plano de instalação explica como a estrutura será construída, bem como o seqüenciamento da construção. Isso ajudará a sinalizar quaisquer problemas de construção para que possam ser abordados no início; compreender e planejar a aquisição do equipamento necessário que será necessário; e sinalizar quaisquer preocupações de segurança durante a fase de instalação.

Cargas laterais: as cargas laterais são as cargas horizontais produzidas a partir de energia eólica ou sísmica.

Estaiagem: A estaiagem é de cordas, fios ou cabos tensionados que proporcionam estabilidade lateral à estrutura. Eles geralmente se estendem de cima para baixo na estrutura até o chão e são protegidos com uma âncora.

Plataforma estática: uma plataforma estática é uma superfície que é elevada do chão que as pessoas podem escalar ou pisar e não experimentam nenhum movimento pretendido (rotação, rolamento, deslocamento, etc.).

Cálculos Estruturais: os cálculos estruturais são a análise que mostra a adequação de um elemento de enquadramento sob uma determinada condição de carregamento. Os cálculos estruturais podem ser feitos manualmente ou eletronicamente com o uso de um programa de computador. Eles devem mostrar as cargas aplicadas a cada elemento de enquadramento, quaisquer fatores de segurança usados, a extensão entre os suportes de cada elemento de enquadramento e, por último, deve mostrar que o elemento de enquadramento tem a capacidade de suportar as cargas.

Desenhos Estruturais: desenhos estruturais são desenhos que mostram os requisitos estruturais da estrutura. Eles devem incluir:

  1. enquadramento de tamanhos de membros, localização e orientação, dimensões de span máximo ou mínimo
  2. o relacionamento dos membros do quadro com outro, tamanho e tipo de fechos a serem usados ​​e suas posições

Diretrizes:

A.
Para estruturas de mais de 10 pés ou 3m, ou onde as falhas podem ameaçar a segurança, é importante que a estabilidade estrutural seja considerada; Essa construção deve ser planejada; e que a sequência da construção mantenha um ambiente seguro ao longo do ciclo de produção.

Em segundo lugar, este guia serve de ajuda para os artistas do Tropical Burn para que tenham uma preparação e construção bem sucedidos do projeto de arte no ambiente Burn.

Se você está se candidatando a uma concessão de fundos ou auto financiando seu projeto, os seguintes são tipos de informações que o Tropical Burn Artes provavelmente exigirá.

Se a estrutura estiver entre 0-3 metros E não possui nenhuma (s) plataforma (s) estática ou dinâmica para interação humana:

  1. Forneça um modelo 3D ou diagrama desenhado à mão da estrutura
  2. Fornecer o plano de instalação
  3. Fornecer o plano de desinstalação

B.

Se a estrutura estiver entre 3-4 metros e não possui nenhuma (s) plataforma (s) dinâmica (s) para interação humana OU se a estrutura estiver entre 0-3 metros e tiver plataforma (s) estática ou dinâmica para interação humana:

  1. Forneça desenhos arquitetônicos
  2. Esclareça de uma forma clara:
    os materiais
    os tamanhos de todos os elementos estruturais
    a quantidade de elementos estruturais
  3. Fornecer os cálculos de levantamento e rolamento. Em particular, o número e a capacidade das suas âncoras e placas de rolamentos. Forneça informações detalhadas sobre como a (s) âncora (s) serão conectadas à estrutura.
    – Poderá instalar / remover âncoras de tipo parafuso de 1 metro e meio de comprimento com um limite de carga vertical aproximado de 3.500 kilos. Os planos de ancoragem são revisados ​​pelos Serviços de suporte artístico.
  4. Fornecer o plano de instalação
  5. Fornecer o plano de desinstalação

C.

Se a estrutura estiver entre 5-6 metros e não possui nenhuma (s) plataforma (s) dinâmica (s) para interação humana OU se a estrutura estiver entre 3-4 metros e tiver uma (s) plataforma (s) dinâmica (s) para interação humana:

  1. Itens 1-5 da Seção B.
  2. Forneça desenhos de construção
  3. Se o equipamento for usado para ancorar a estrutura, forneça as forças experimentadas pelos fios, bem como como e onde os fios se conectam à estrutura.
  4. Forneça as cargas aplicadas à estrutura. Em particular, forneça informações e os números utilizados para o cálculo do vento e da gravidade (incluindo auto-peso da estrutura e carga das pessoas). Se forem usadas cargas dinâmicas, forneça as informações apropriadas.

D.
Se a estrutura estiver acima de 6 metros OU se a estrutura estiver entre 5-6 metros e tiver uma (s) plataforma (s) dinâmica (s) para interação humana:

  1. Itens 1-4 da Seção C.
  2. Forneça o pacote de cálculo (se disponível). O cálculo pode ser feito em qualquer formato, cálculo manual ou qualquer programa de computador. Se um programa de computador for usado, forneça um pequeno documento que inclua as entradas e saídas do programa. Os cálculos devem ser feitos, em geral, para elementos que incluem (mas não se limitando a) vigas, vigas / vigas, colunas, placas de rolamentos, elevação de âncora e conexões de um elemento de enquadramento para outro.
    Se apenas uma parte da estrutura for analisada, em vez da estrutura como um todo, justifique o raciocínio por trás dessa decisão.

NOTA IMPORTANTE: para que os artistas assegurem a segurança da estrutura artística (independentemente do tamanho e da aplicação da estrutura artística), todos os itens mencionados devem ser seguidos. Além disso, se a estrutura não se enquadra em nenhuma das categorias acima, mas tem potencial para colocar a vida em perigo, o Tropical Burn pode solicitar qualquer um dos itens mencionados acima para que o artista possa esclarecer. 

Voltar  > Arte – Tropical Burn

– Protegendo a obra de arte https://goo.gl/JUz4WJ
– Iluminando a sua instalação de arte https://goo.gl/ZdGS3F
– Barulho https://goo.gl/Vr8teh
– Não deixe rastros para artistas https://goo.gl/Y3jp7o
– Guia para arte de fogo https://goo.gl/qfqJcq